sábado, 19 de junho de 2010

Os melhores videos da semana!

ola caros seguidores e vizitantes
a partir de hoje paso a fazser um post semanal com o link dos melhores videos de spanking que vejo durante a semana...
vejam e aproveitem!!!

http://www.freespankingtube.com/videos/cool-caning.html
http://www.spankingtube.com/watch/db8790df275fcebb37a1/I-think-I-need-this
http://www.freespankingtube.com/videos/caned-by-the-canal-boat-captain.html
http://www.freespankingtube.com/videos/slapping.html

OBS:Não quero fazer nenhuma propaganda de site,mas todos sabemos que videos de spanking gratis são raros!!!

sábado, 5 de junho de 2010

Professora querida!

Quem nunca teve uma paixão por um professor ou uma professora da escola,e quem não chegou a ter certas fantasias com estes?

No meu caso,a professora era de educação fisica,e como a maioria das professoras dessa matéria,voces devem imaginar,era muito bunita e dona de um corpo escultural.Tinha cabelos castanhos e cumpridos,estatura mediana,coxas e bunda  exulberantes,e voz divina.

Ela também era professora de natação,logo as vezes dava algumas aparições de chinelos,mostrando seus lindos pés.
Tinhamos uma boa relção,com abraços,alguns beijos no rosto e coisas do genero,mas no inicio nada se dava conta da realidade,apenas uma relação de amigos entre uma professora gostosa e um aluno tarado por surras(ela ainda não sabia disso).

Um dia,ela deu aula de natação antes da minha aula,e estava com lindos chinelos roxos,o que logo me deixou com certo tesão,que procurava manter devido ao numero de pessoas presentes e o local onde estavamos.

Eu ainda estava na 8 Serie,mas me lembro de varias ocasioes,onde ela dispertou meus hormonios.
Uma delas foi um dia dos jogos interclasses,e ela como professora,estava apitando o jogos.Enquanto as equipes se arrumavam,ela brincava com os alunos que assistiam.Nesse dia ,ela,numa aparente brincadeira incente,começou a dar algumas "chicotadas" de leve nos alunos,com a cordinha do apto.As meninas davam corda,e ela brincando ia batendo nos alunos,aleatoriamente,inclusive em mim.
Já tinha levado algumas chicotadas,e depois de um tempo de brincadeira,desci da arquibancada,e ela veio pra cima de mim com seu chicotinho...em certa chicotada segurei a cordinha a imbilizei-a dando um giro e a segurei por tras prendendo seus braços de forma cruzada,sem ter muito o que fazer,só que antes de solta-la dei-lhe uma palmada em sua bunda de leve,tudo isso em uma inocente brincadeira.Mas apenas essa palmada foi o suficiente para deixar meus orgãos em posição de ataque, a para disfarça,subir para ir ao banheiro.
Quando voltei o jogo ja havia começado,e quando percebi a brincadeira ja havia acabado.Como esta houveram outras brincadeiras.

Nessa escola,so havia turmas até oitava série,e portando me formaria.Após a formatura,sai do colegio,e por mais que a visse de vez em quando,nada mais acontecia.

Dois meses atrás as coisas mudaram...mais de 2 anos depois,nos encontramos novamente.
Era época da festa da igreja aqui do bairro,e ela sempre ia.Por destino ou acaso,ou seja la o que for, nos encontramos,e começamos a conversar.Estava de havainas flash morrom,calça jeans bem justa, e uma camisa de malha basica.Descobri que havia se casado,e que estava morando no bairro vizinho,a uns cinco minutos mais o menos da igreja.

Quando começamos a conversar,lembro que estava conversando abraçando-a pelo ombro,fui descendo a mão levemente,até chegar em sua bunda.Aparêntemente,ela havia se incomodado um poco poruqe parou e e disse:
-sabe que agora que voce passou a mão na minha bunda,voce me lembrou daquele tapa na bunda que voce me deu...

repondi:
-também lembro,voce deve ter ficado muito puta(giria para pessoa com raiva) comigo neh...

-Nem tanto,doeu,mas sabe que eu gostei...sua mão foi bem firme.
-Você é bem safadinha hein...gosta de levar umas palmadas...
-Só de homens,os bebes merecem apanhar...(ela disse isso de  frente pra mim,arrumando minha blusa ,como se dissese quero bater na sua bunda)
-E como você me classifica

Eu me aproximei de seu rosto,e ja ia agarrando-a pela cintura,porém ela se esquivou da minha tentativa de beija-la e disse:
-Aqui não,meu marido está aqui...

Sem muito ter o que fazer,estava de mãos e pés atados.Continuamos conversando,comemos alguma coisa,e depois de algum tempo encontramos o seu marido,com os amigos e ela,após as devidas apresentações,em um incrível teatro falou:
-Amor,estou com um poco de dor de cabeça,vou para casa descansar.
Deu um beijinho em seu marido e ele respondeu:
-Ok,mas hoje vou durmi,na casa do Marcelo...
-tudo bem,então até amanha...

E depois virou e veio falando comigo:
-E vc não vai me acompanhar até em casa?
-Já que insiste.

E novamente voltei a abraça-la,e lentamente fui descendo a mão de seu ombro para sua cintura.Mas quando cheguei no meio das costas ela disse:

-agora voce pode descer a mão,meu marido nao ta vendo...

e assim fiz...

Voltamos a conversar sobre diversos assuntos até chegar no portão de sua casa,ela abriu o portão e me convidou para entrar,mas a principio recusei o convite então ela disse:

-Já que não aceitou meu convite,então estou te dando uma ordem!Entra agora...voce não vai querer seu meu bebe desobediente neh??

Espantei com a ordem,mas na mesma hora que disse aquilo eu a agarrei aos beijos casa a dentro e só parei na hora dela abrir a porta.

Entramos na sua casa.Era uma casa bem grande,com comodos amplos,inclusive seu quarto...
Entramos e ela disse em tom de dominadora:
-Vai pro meu quarto a tira a roupa,quero voce peladinho quando voltar ,entendeu bebe?
-Não sou bebe

Na mesma hora ela me deu um tapa na cara forte e respondeu:
-É sim...e um bebe respondão,mas vou cortar suas asinhas hoje...

Logo já se percebia que a dor de cabeça era uma desculpa pro corno...
Tirei toda a minha roupa ficando so de cueca,não sei se por timidez,nervosismo ou ousadia....

Ela voltou com uma langerie vermelha muito sexy ,suas havaianas flash morrom em seus pes com francesinha e uma palmatoria presa a cintura
-Eu não mandei voce tirar a roupa inteira??então quer dizer que além de um bebe respondão também é desobediente?
-E se for?o que voce vai fazer?
-Muleque abusado.
Disse isso ja me deitando em seu colo e me dando palmadas fortes(tinha a mão bem pesada)sobre a minha cueca,e eu espremia os olhos e dava alguns gemidos de dor
paf paf paf paf paf paf...
Durante dez minutos incessantes palmadassobre a minha cueca.Depois disso,abaixou minha cueca e começou a fazer carinho na bunda ja avermelhada:
-Ta doendo?
-Sim,um pouco
-Então voce aguenta mais,disse isso baixando minha cueca até o calcanhar tirando a palmatoria da cintura.

Uma palmatoria rosa com coração...linda e sofrida...

Tentei me esquivar de seu colo,mas tudo em vão,e vieram os tapas da palmatória.
PLAFFFFF...
Não resisti a dor,e junto com um grito ecoante de ai,vindo de minha boca,algumas lagrimas escaparam aos meus olhos...
e vieram mais
Plaf plaf plaf plaf plaf plaf plaf plaf plaf...

Era uma dor insuportavel.Os golpes da palmatória eram alternados um a um sobre cada nadega...
doía muito...
plaf plaf plaf plaf plaf plaf plafplaf....

e assim ela marcou minha bunda
Quando parou,perguntou:

-Doeu muito bebe?
-Sim,doi muito mesmo...
-Se dpeu tanto assim,então porque voce ta tão exitado??
-Porque eu quero te comer todinha...
Ela me soltou e perguntou:
-Quer mesmo?então vem bebe...

Bem,o resto voces ja sabem quase tudo...
porque quase?no proximo conto,semana que vem eu conto...